“Estamos lutando com o aumento do volume do relógio”

É o que conta o diretor do Veiling Holambra: Pode parecer estranho, mas estamos lutando com o aumento do volume do relógio. Nos últimos dois anos, os volumes comercializados no “clock” cresceram mais do que o volume de nossos serviços de intermediação, e parece que essa tendência continuará no próximo ano. Segundas e quartas-feiras ainda são os dias mais movimentados.

Em 2018, expandimos nossa galeria para um total de 450 assentos e, em 2020, aumentaremos o tamanho da nossa tela LED, para que possamos exibir até cinco relógios em vez do máximo atual de três. Continuaremos com o leilão físico de plantas, mas usaremos informações do produto e fotografias representativas, também conhecidas como Leilão de imagens, para algumas das flores cortadas.

Uma solução muito melhor seria estimular a pré-venda em leilão e a distribuição direta desses produtos antes do momento do leilão. Vendas permanentes ao longo da semana, por assim dizer. Isso não seria muito melhor do que a situação atual de dois enormes dias de pico? Podemos distribuir diretamente todos os produtos vendidos via pré-venda em leilão aos clientes, graças ao nosso sistema de entrega central. A pré-venda de leilão tem um grande potencial!

No entanto, por enquanto, ainda estamos aguardando a permissão das autoridades fiscais para a distribuição dos produtos vendidos via pré-venda em leilão, antes do momento do leilão. É difícil de explicar, mas sim, precisamos de permissão especial para isso do governo local no estado São Paulo. Enviamos nossa inscrição de acordo com todas as regras do ano passado e ainda estamos aguardando a aprovação. A burocracia pode ser frustrante às vezes.

Também estamos de olho nos desenvolvimentos dos vários leilões na Holanda e na Alemanha, é claro. Podemos aprender muito um com o outro. As situações são diferentes, mas as visões são semelhantes. Estamos todos caminhando para uma direção em que os clientes podem comprar do estoque 24 horas por dia, 7 dias por semana e receber imediatamente seus produtos. A palavra chique para isso é atendimento de pedidos.

Tivemos o prazer de receber Steven van Schilfgaarde (CEO Royal FloraHolland) e Jack Goossens (Presidente do Conselho de Supervisão da Royal FloraHolland) recentemente em Veiling Holambra. Tenho certeza de que a visita deles fortalecerá ainda mais o relacionamento entre as cooperativas Royal FloraHolland e Veiling Holambra. É um relacionamento que remonta a mais de 30 anos e as visitas pessoais sempre ajudam a substanciar a colaboração.

Apresentamos o plano anual 2020 aos nossos membros. Muito tempo foi gasto em nossas atividades de marketing comercial, nas quais estamos investindo fortemente. Participamos de feiras para recrutar mais clientes de varejo. Fornecemos treinamento aos funcionários dos varejistas, ensinando-os a cuidar e apresentar plantas e flores e a criar buquês simples no chão da loja. Fazemos banners para feriados especiais, bem como displays para flores, plantas penduradas e mini plantas. E ajudamos os clientes na organização de dias especiais de vendas. Tudo isso é coberto pelas taxas de leilão pagas por nossos membros. Isso nos obriga a fornecer uma visão geral dos custos e dos resultados!

André van Kruijssen, Diretor VEILING HOLAMBRA

Pátio de movimentação Veiling Holambra, SP.

Posted by Bliska in : Sem categoria, Nenhum comentário em “Estamos lutando com o aumento do volume do relógio”

Deixe seu comentário